Os homens comuns.

 

"Que rica prenda!!!"

Há algum tempo atrás, não lembro precisamente quando, ficou famoso o episódio em que o ‘Rei de Espanha’ mandou que Hugo Chaves se calasse. Foi um sucesso na mídia brasileira, declaradamente antichavista. Afinal, diziam eles, fez muito bem o ‘Nobre espanhol’ em repreender o arrogante, ditador e antidemocrata venezuelano. Alguém precisava pô-lo em seu devido lugar. Chaves, que falava sem parar, estava sendo deselegante e quebrando o protocolo.

Naquele tempo fiquei pensando: o que pode ser mais antidemocrático do que a figura de um ‘Nobre’? Quem pode ser mais arrogante do que alguém que se julgue Rei? O que pode ser mais deselegante do que exigir que alguém cale a boca?

Como seria bom, eu pensei, se o mundo ao invés de ser governado por homens muito ricos, formais, pomposos e totalmente afastados de seus povos, pudesse ser governado por homens normais. Seres humanos que, embora inteligentes e qualificados, continuassem a ser iguais aos outros seres humanos.

Mas parece que alguns são. Na foto bem ao alto vemos Mr. Obama que, quebrando qualquer protocolo, torce o seu pescoço presidencial só para dar uma ‘secadinha’ na bunda da morena que passava. Tem coisa mais normal do que isso? O francês Sarkozy, como qualquer homem comum, acha graça. Perfeito. Tudo normal.

Já na foto abaixo vemos os presidentes de dois dos mais importantes países deste início de século, se comportando como dois verdadeiros torcedores apaixonados e, a julgar pela careta de Mr. Obama, ele andou mesmo torcendo pela Seleção de soccer do seu país. É de admirar que o Presidente Luis Inácio não tenha entregado uma do Corinthians também.

Somos todos torcedores. Eles também.

Gente normal. Seres humanos comuns decidindo o futuro de outros também comuns. Tem coisa melhor do que isso?

A menina da foto, que encantou aos presidentes americano e francês, é Mayara Tavares, 17 anos, representante do Brasil na J8 (Cúpula Júnior 8), que reuniu mais de cinquenta adolescentes, com o objetivo de dar visibilidade à sua visão sobre as questões discutidas pelos chefes de Estado, encontro promovido pela Unicef.

O J8 acontece desde 2005 e discute os mesmos temas do G8 – mudanças climáticas, crise econômica e pobreza na África -, mas com um enfoque no impacto destes problemas na vida das crianças e adolescentes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s