Grêmio se rende à Globo

 

Todos os jogos do Grêmio, desde que se iniciou a fase de grupos da Libertadores, têm ocorrido em dias e horários que não permitem o televisionamento por TV aberta. Claro que isso não vem ocorrendo por coincidência ou má sorte. As coisas são assim porque assim atendem os interesses da Rede Globo.

Grêmio acerta com a Rede GloboNós, gremistas, somos cerca de cinco milhões apenas, pouco mais, pouco menos. A marca Grêmio, reconheçamos, tem apelo estritamente regional. Essa marca está restrita ao Rio Grande de Sul e a algumas pequenas localidades de colonização gaúcha espalhadas pelo oeste brasileiro. O Flamengo, detentor da maior torcida do mundo, e o Corinthians, detentor da quarta maior, constituem a maior parte dos torcedores brasileiros, os consumidores do produto que o Clube dos 13 tentava negociar com as televisões. Quando estes dois clubes anunciaram que não iriam mais reconhecer o Clube dos 13 como legítimo representante na negociação com as emissoras de tv, então era hora de parar. O Clube dos 13 sem os dois maiores clubes do Brasil passava a ser uma coisa sem sentido. Talvez fosse melhor se o doutor Fábio Koff tivesse achado um jeito de cancelar ou postergar a concorrência entre as emissoras. Quando a Rede Globo anunciou que não participaria da concorrência não havia como seguir com ela. Dr. Koff, no entanto, não tomou nenhuma providência, manteve a data, e seguiu como se nada estivesse acontecendo. Parecia, ao menos para mim, que o único interesse do ex-presidente gremista era acabar com o nefasto monopólio global. É um propósito nobre, reconheço, mas um negociador não pode ser movido por motivações pessoais, e era essa a impressão que eu tinha, de que o doutor Koff tinha motivos pessoais para não querer mais a Globo.

Embora eu reconheça que a ideia de negociações individuais deva ser extremamente prejudicial ao Tricolor, não posso deixar de reconhecer o direito de Corinthians e Flamengo tentarem ganhar mais, ganhar aquilo que acham justo devido a brutal diferença no número de torcedores que conquistaram ao longo das décadas.  É claro que a grande exposição que esses clubes conseguiram na mídia, o Flamengo mais no passado, o Corinthians mais recentemente, muito contribuiu para que essa diferença aumentasse cada vez mais. Não acho que isso vá mudar. Pior ainda, isso só vai se agravar mais e mais. No entanto, eles têm o direito de querer fazer valer a força de suas marcas. Direitos são para ser reconhecidos e respeitados, eu acho.

O Grêmio cedeu seus direitos à Globo, ao que sei foi o primeiro clube a fechar contrato. Via Twitter e Facebook só vejo gremistas criticando o acordo acertado pela administração Paulo Odone. Não sei se estão certos ou não, na verdade desconfio de que talvez não tenham pleno conhecimento do assunto sobre o qual opinam. Perdoem-me, mas é o que penso. Meu desamor por essa emissora, já o expressei várias vezes. Aqui neste post, caso queiram conferir, deixo isto muito claro. Eu por muitos motivos, entre eles o futebol, gostaria de ver a Globo perdendo seu reinado para alguma concorrente. Não entendo, porém, que o Grêmio fosse merecer melhor tratamento do que o que recebe da Globo. Sei lá quantos interesses podem estar abrigados à sombra de uma negociação deste tipo. Não são poucos, com toda a certeza. Não me cabe, ainda assim, criticar ou elogiar uma coisa da qual não tenho suficiente conhecimento. Eu confio no presidente Paulo Odone. Mesmo que o ano de 2011 tenha sido, até agora, marcado por uma série de trapalhadas, confio no presidente Paulo Odone. No deputado não, neste eu jamais desperdiçaria um voto, mas o gremista Paulo Odone, e eu tenho inteira certeza disto, jamais faria um negócio que fosse prejudicial ao Imortal da Azenha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s