Por Seu Rudi

 

 

 

Obrigado, Seu Rudi, pelo melhor ano da minha vida (1983).

Seu Rudi morreu. Seu Rudi ficará. Imortais sempre ficam, permanecem na História do nosso Grêmio, nas memórias de nossa gente, na espessa bruma que envolve as lembranças das antigas conquistas.

Obrigado, Seu Rudi. Obrigado por tudo, Obrigado pelo Grêmio imenso que temos.

Fique em paz, imortal Rudi Armin Petry. Obrigado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s