Com ou sem Kleber

Com ou sem Kleber

Com ou sem Kleber
Com ou sem Kleber

Não é nem um pouco difícil perceber que o grande objetivo do Grêmio para a temporada 2011 é a conquista de uma vaga na Libertadores. Esse é o grande sonho tricolor para esse ano e está inserido em um projeto maior, bem maior. O último ano da história do Olímpico Monumental não vem sendo tratado como fato significativo e relevante pela atual direção, enfeitiçada pelo novo estádio que está sendo erguido no Bairro Humaitá. O derradeiro ano do Monumental não é importante, o que importa mesmo, o ‘verdadeiro grande projeto’ da gestão Odone é o primeiro ano da Arena. Não estou criticando essa opção da atual gestão, apenas estou registrando. É imprescindível, para que o primeiro ano da Arena seja um sucesso, que, no último ano do Olímpico, se consiga a vaga à Libertadores. Investir na formação de um grupo acima da média, capaz de chegar à final da competição, deve ser também parte desse verdadeiro super-projeto que Odone e Antonini arquitetaram para o primeiro ano de nossas vidas imortais no Humaitá.

A Copa do Brasil deveria ser uma boa aposta gremista para a obtenção desta vaga. Mesmo que Pelaipe tenha sido incompetente o bastante para contratar zagueiros absolutamente sem qualificações para vestir a camisa do Imortal, casos de Naldo e Sorondo, por exemplo, mesmo que o Grêmio ainda não tenha, depois de tanto tempo, uma dupla de zagueiros minimamente confiáveis, ainda assim a possibilidade de conquistar mais uma vez a Copa do Brasil fazia brilharem os olhos da imensa torcida tricolor. Contratações como as de Marcelo Moreno, Souza, Bertoglio e especialmente a contratação de Kleber justificavam esse brilho.

O Grêmio ainda não perdeu a Copa do Brasil, muito pelo contrário, nossos olhos continuam brilhando, apenas com um pouquinho menos de intensidade agora que Kleber foi tirado da batalha.

Kleber já está em sua casa, há alguns dias já absolveu seu algoz, Léo Carioca, zagueiro do Cruzeiro-POA, mas eu que ainda não tinha tocado no assunto, quero agora voltar a ele.

A totalidade dos ‘opinadores isentos’ que ouvi, li e/ou assisti nesses dias que se seguiram ao dia da lesão de Kleber concordou que o nível de violência está muito elevado no futebol gaúcho. Todos concordam também que o nível de arbitragem, ao contrário, está baixíssimo. Todos eles concordam nesses dois pontos, e quase todos eles concordam que o lance em que Kleber acabou lesionado não foi um lance de grande violência, que o atleta cruzeirista não teria tido a intensão de machucar seu adversário. Eu, porém, discordo disto (grande novidade, né??). Léo Carioca agrediu Kleber com a intenção de agredí-lo, machucou-o com a intenção de machucá-lo e tirou o atleta gremista da partida com a intenção de tirá-lo. Admito que o zagueiro cruzeirense não tinha a intenção de fazer todo o estrago que fez, não tinha a intenção de fraturar a perna de Kleber, mas não sou suficientemente ingênuo para deixar de perceber que ele chutou o atacante gremista deliberadamente, intencionalmente, maldosamente. Léo queria machucar o adversário, queria causar-lhe dor, queria que ele sofresse, que se intimidasse ou que, talvez, se incomodasse ao ponto de perder a cabeça e acabar expulso. Léo Carioca queria tirar o Kleber do jogo e conseguiu. Kleber perdoou seu agressor, eu, no entanto, não preciso fazer isso, e acho que os ‘opinadores isentos especialistas em futebol’ deveriam pensar um pouco mais antes de saírem por aí dizendo que aquilo foi “um lance normal de jogo”, que fratura da fíbula de Kleber foi “uma fatalidade”. Léo Carioca conseguiu alcançar seu objetivo naquela partida, com isso tornou um pouco mais difícil que o Tricolor alcance o seu já no primeiro semestre, mas apenas um pouco mais difícil, pois, ao contrário de alguns discursos derrotistas e desanimadores que andei ouvindo recentemente, o Grêmio, com ou sem Kleber, continua vivíssimo na briga pela Copa do Brasil.

Pare de chorar, presidente Odone. Parem de secar, ‘opinadores isentos’. O Grêmio vai ser campeão sem Kleber, e dedicar o título a Kleber. É assim que vai ser.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s