Ah, eu sou gaúcho! Parte 3. A gripe, a neve e a avalanche.

Eu penso muitas bobagens. Na verdade eu passo o tempo todo fazendo isto: pensando bobagens.

Claro que não as transcrevo no blog. Nem todas.

Mas pensei uma besteira hoje, que percebi não ser assim ‘tão  besta’.

Eu decidi escrever:

Nesses tempos de gripe, quando campeia pela Pampa, o tal H1N1, quando os turistas chegados ao Rio Grande são cada vez em menor número, quando os hermanos de Argentina, infectados, se tornaram perigosos e mal vistos, quando os irmãos brasileiros se tornaram receosos, lembrei um velho ditado:

“Quem tem boca vai à Roma”.

É o que dizem. Assim como dizem que “ir à Roma e não ver o Papa é como não ter ido à Roma”.

Pois foi o que pensei:

“Quem quer neve vai ao Rio Grande”.

Mas a neve não é tudo.

Na verdade, vir ao Rio Grande e não assistir à avalanche no Olímpico é como não ter vindo ao Rio Grande.

Foi o que pensei, o Rio Grande, além da neve na Serra, além do Laçador, da Ponte do Guaíba, ganhou um novo ‘ponto turístico’: a avalanche da Geral.

Veja:

Agora que tu já viste, quando vieres ao Rio Grande, venhas fazê-la com a gente.

Ou então vai parecer que não vieste ao Rio Grande.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s